Publicidade

Vou Casar, e agora?

6 de julho de 2013

Então, meninas… depois do noivado, um mundo de possibilidades se abre para a noiva. Casamento clássico ou despojado, de dia ou de noite, qual vestido usar, quem convidar… O Bendito Cerimonial dá dicas de como tornar o momento agradável e não errar para fazer bonito no dia do sim. Veja abaixo um artigo que a assessoria de imprensa do Bendito preparou pra vocês!

Frufru

Vou casar, e agora?

 

De repente, a mulher vira noiva. A cabeça já funciona a mil por hora: por onde começar? O que deve ser definido primeiro? Como encontrar os fornecedores? O Bendito Cerimonial dá as primeiras dicas

 

Todo mundo já deve ter conhecido pelo menos uma noiva atolada de compromissos acerca do casamento ou desnorteada, sem saber por onde começar a resolver os detalhes. Na verdade, são tantos os preparativos para a tão sonhada hora que qualquer ser humano em sã consciência ficaria com os cabelos em pé de ter que resolver tudo sozinho.

Para dar um alívio às noivas de plantão, Lígia Ferraz, sócia do Bendito Cerimonial, dá algumas dicas sobre como organizar o evento. A cerimonialista recomenda que a noiva comece a pensar na organização do evento um ano e meio ou, no máximo, até um ano antes do casamento. “Dessa forma a chance de conseguir os serviços desejados disponíveis é muito maior”, explica.

O próximo passo é decidir a respeito das datas e locais de preferência. Segundo Lígia, o mais importante é fechar o local onde será realizada a cerimônia religiosa e o espaço para a festa. Entretanto, antes, deve ser definido um orçamento do custo total que será despendido para o evento como um todo.

Lígia lembra da importância da contratação dos serviços de um cerimonial. “Fazemos o papel do braço direito das noivas, direcionando-as para os serviços adequados de acordo com o orçamento disponível”. Lígia garante que, além destas indicações, o cerimonial prepara as noivas pelo que há por vir, pois, a maioria delas desconhece os inúmeros detalhes necessários para a realização do evento e justamente por isso, acabam tomando decisões precipitadas. O Bendito não recebe comissão dos fornecedores que indicam, que é um grande diferencial, e mostra que o objetivo é mesmo atender às noivas de forma personalizada.

Uma das funções do cerimonial é distribuir bem o valor que será gasto em todos os âmbitos do evento. “Muitas noivas que já chegam com pacotes fechados, sem ter feito algum orçamento ou até mesmo sem saber tudo que ainda estava por vir, se lamentam por não ter contratado um cerimonial antes”. A cerimonialista afirma que muitas delas acabam fazendo maus negócios, algumas vezes levadas pelo valor emocional da data ou até mesmo pelo excesso de informação que o evento impõe. “Por isso é importante a ajuda de um cerimonial. Ele fará o papel de encaminhar o casal para os melhores negócios, de acordo com as preferências escolhidas. Além do apoio profissional, muitas vezes também asseguramos o lado emocional, uma vez que a relação das noivas com os preparativos do casamento fica mais tranquila”, diz Lígia.

A ideia é fazer com que os casamentos aconteçam sem desastres ou preocupações para as noivas, para que elas curtam bem cada minuto de um dos momentos mais sublimes de sua vida, a subida ao altar. “A moda agora é fazer com que o casamento tenha a personalidade dos noivos e, para isto, é necessário que se tenha tempo e a ajuda de olhar crítico para fazer as melhores escolhas”, afirma.

Lígia conta ainda que o cerimonial trabalha com serviços personalizados de “fada madrinha” das noivas, acompanhando-as em todas as reuniões e compromissos ligados ao casamento. Apesar de aconselhado que o casório seja programado com antecedência, nada impede que ele seja resolvido de última hora, “desde que se aceite as opções que restarem no mercado, pois os melhores fornecedores fecham seus contratos com alguma antecedência”, conclui.

Abaixo, o Bendito Cerimonial dá algumas dicas dos primeiros passos para a elaboração de um casamento:

1)      Definição da data do casamento – definição da estação do ano em que ocorrerá o evento já é um bom começo para o direcionamento dos preparativos.

2)   Montagem de um orçamento – o planejamento é necessário para que não se comprometa a vida financeira do casal nos primeiros anos de vida a dois.

3)   Preparar um check list com todos os itens dos preparativos para o casamento.

4)   Programar a agenda – como são inúmeros os preparativos para o casamento, com certeza os compromissos ligados a eles terão a mesma proporção. A agenda bem definida ajuda a não deixar nenhum item importante para trás.

5)   Fazer cotações de produtos e serviços – é necessário que se faça a cotação para que haja um equilíbrio no orçamento estipulado.

 

Frufru

Assessoria de Imprensa:

Agenda Comunicação Integrada

Jornalista Responsável: Maíra Rolim

contato: (31) 3021-0204/ 9120-1068

Site: www.agendacom.com.br

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

por
2 Comentários

Tags:

2 Comentários

  1. Ana Pinheiro disse:

    minha prima vai se casar no mes de agosto. E temos duvidas sobre a entrada na igreja, ja que ela gostaria de estrar cm sua mãe pois não tem contato com seu pai. Seu noivo entrar com a mãe que é separada, e ambos já são casados por favor como fazer a entrada na igreja, muito confuso e zero de grana. Desde já obrigada

    • Bel disse:

      Olá Ana! Peça a sua prima para entrar em contato conosco via e-mail que vamos tentar ajudá-la (faleconosco@casandocomamor.com.br). Abraços!!


Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *



Design por Casa2 | Creative Design & Happy Ideas - Wordpress por André Beltrame
© 2017 - Casando em BH - by Bel Ornelas - Todos os direitos reservados