Publicidade

Casamento ao ar livre de Samara e Nivaldo

14 de janeiro de 2016

E peço permissão aos bugueiros para usar a famosa frase “Com emoção ou sem emoção?” deles para introduzir o lindo casamento da Samara e do Nivaldo.

E já respondo: com emoção é sempre melhor não é não? (pelo menos no caso dos casamentos, nas dunas eu particularmente prefiro sem emoção, rsrsrs).

Porque o casamento deles foi todo assim. Simples, delicado e com uma emoção e uma verdade que parece pular das fotos.

Frufru

Nos conhecemos há 11 anos, pela internet, por intermédio de uma amiga. Por mais que morássemos na mesma cidade (uma pequena cidade do interior – Itapira/SP), nos falávamos apenas via web e mensagem de texto, via celular. Mantínhamos uma amizade muita forte.

Tentávamos, mas nunca conseguíamos nos encontrar, por vários motivos. Até que o universo deu um jeito de nos unir, há 3 anos em um extinto pub da cidade. Nessa primeira conversa pessoalmente foi tudo muito incrível e intenso. O New (meu marido Nivaldo) diz que quando seu olhar encontrou o meu, as pernas amoleceram e o coração acelerou, e foi o mesmo que senti, mas inicialmente não passou disso, devido ao carinho e respeito que tínhamos um pelo outro, o receio de acreditar logo de cara nos sentimentos e também pelo medo do que seria da amizade. Com o encontro começamos a nos falar mais e mais, até que resolvemos nos dar uma chance. E foi a melhor decisão que tivemos.

Nossa amizade sempre foi muito forte e o relacionamento amoroso não poderia ser diferente. Resolvemos nos casar. Tínhamos certeza de que queríamos: menos formalidade e mais simplicidade.Nunca fomos o tipo de casal que sonha com todos os mínimos detalhes. É um dia importante e nós queríamos que fosse especial. Que todos os amigos e familiares presentes lembrassem, não como mais uma formalidade, mas sim de nossa essência como casal e família.

Começamos a pensar no tipo de casamento. Ao ar livre! Nada de salão de festa, queríamos a natureza. De dia! O glamour noturno não é nosso estilo, quanto mais simples melhor. O New abraçou a ideia do local que eu tanto gostava – Fui com minha irmã tirar fotos, para o primeiro aninho do meu sobrinho. Minhas primeiras palavras ao chegar no local na ocasião foram “quero me casar aqui”. É um local todo aberto, rústico, repleto de natureza. – E… me casei lá!

Alguns me questionavam sobre a chuva, confesso que tive medo (até enviei um e-mail ao blog pedindo ajuda, rs, a Bel foi muito simpática e atenciosa, me deu incentivo para acreditar no que eu queria) e o New sempre me tranquilizava – “vai ter casamento de qualquer maneira e será lindo, pois tem amor”.

Resolvemos fazer boa parte do casamento nós mesmos, para ter a nossa cara e ser mais em conta. Não foi tarefa fácil, mas tínhamos os melhores ao nosso lado. Toda ajuda é sempre bem vinda. Amigos enrolando barbante em garrafas; cola, papelão e recortes transformados em corações; A placa com nome e data pintados por mim; a sogra da minha irmã fez um lindo crochê em todos os potes que eu e New preenchemos transformando em velas; livrinho de assinatura feito por mim, entre tantos outro detalhes. Vale muito a pena colocar a mão na massa. O sentimento ao ver a decoração é outro.

Minha irmã, sempre minha grande parceira em tudo, me ajudando nas buscas pela internet. Pesquisei o que eu gostaria e como gostaria, tirei ideias de muitas coisas, inclusive do meu vestido levinho, que fiz algumas modificações que com pérolas e renda, ficou lindão!

Outro grande acerto nosso foi optar por músicas brasileiras na cerimônia, queríamos que todos participassem, soubessem o que cada letra das canções escolhidas representava. Eu brinco que foi um casamento a lá Nando Reis, rsrs.

O resultado de tantas pesquisas e de querer o simples, bonito e cheio de amor, foi espetacular, nos casamos em um dia lindo, ensolarado e com céu azul, sem nenhuma nuvem. Foi um dia incrível, repleto de carinho, amor e alegrias. Aproveitamos e sentimos cada minuto. Todos os convidados ao nos cumprimentar falavam sobre a grande emoção que sentiram. A cerimônia foi belíssima (da igreja Católica Apostólica Brasileira) com palavras simples e verdadeiras, com a presença de Deus. Não é necessário estar dentro de uma igreja para ter Deus, ele está em todos os lugares.

Samara”

Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (1) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (2) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (3) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (4) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (5) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (6) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (7) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (8) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (9) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (10) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (11) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (12) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (13) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (14) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (15) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (16) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (17) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (18) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (19) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (20) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (21) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (22) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (23) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (24) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (25) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (26) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (27) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (28) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (29) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (30) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (31) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (32) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (33) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (34) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (35) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (36) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (37) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (38) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (39) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (40) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (41) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (42) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (43) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (44) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (45) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (46) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (47) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (48) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (49) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (50) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (51) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (52) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (53) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (54) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (55) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (56) Casamento-de-dia-ao-ar-livre-Samara-Nivaldo (57)

Frufru

Créditos:

Fotografia: Fabiano Franco / Local da cerimônia e recepção: Cabanadiana – Macaúbas Bar e Restauruante – Mogi Mirim/MG / Filmagem: Fixar Imagens / Decoração: Gabi Artes / Buffet: Barrios Buffet / Doces: Renata Bolos e Doces Finos / DJ: Alessandro AP / Música: AM Música para Casamento / Bem casados: Nay Doces – Itapira / Recreação: Happy Day Recreações / Cerimonial: Lígia Gomes / Convites e papelaria: Dabeth Personalizados / Salão: Studio Rogério Abbiati / Celebrante: Dom Pedro Paulo Teixeira

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

por
2 Comentários

2 Comentários

  1. Letícia disse:

    Que dia lindo que esses noivos tiveram!!

  2. Paula Riberti disse:

    Muita emoção e gratidão em participar desse dia lindo e inesquecível!!!
    Cada foto, cada palavra nos faz estar de volta naquele momento especial.
    Que Deus ilumine e abençoe cada passo desses nossos compadres queridos.


Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *



Design por Casa2 | Creative Design & Happy Ideas - Wordpress por André Beltrame
© 2018 - Casando em BH - by Bel Ornelas - Todos os direitos reservados